Aula Magna: “Para garantir a competitividade, é necessário se adaptar às mudanças exponenciais


Aula Magna: “Para garantir a competitividade, é necessário se adaptar às mudanças exponenciais


“Para garantir a competitividade, é necessário se adaptar às mudanças exponenciais”, afirma convidado da Aula Magna da ESEG

Jairo Martins da Silva, presidente executivo da Fundação Nacional de Qualidade (FNQ), comentou sobre as tendências que impactam o mercado de trabalho

No último dia 13, Jairo Martins da Silva, presidente executivo da Fundação Nacional de Qualidade (FNQ), ministrou Aula Magna para os alunos de Engenharia de Produção da ESEG. Engenheiro eletrônico formado pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), com experiência em empresas no Brasil e no exterior, Jairo apresentou a palestra “Gestão para a transformação: agenda em cenários de mudanças exponenciais”.

 “As empresas precisam estar atentas às tendências para evitar crises causadas por alterações no padrão de consumo. Antecipar cenários é uma capacidade que exige dos executivos boa gestão dos processos organizacionais, de forma que essa competência deve ser desenvolvida já na faculdade”, opina.

Para ele, o planejamento da carreira é outro tema que deve ser considerado desde o início da vida profissional, sobretudo por conta dos impactos da chamada quarta revolução industrial. “Ser um profissional competitivo significa ser o escolhido, quer seja para uma entrevista ou para uma promoção. E, para isso, o aluno precisa estar sempre por dentro das tendências em sua área de especialização para promover transformações na empresa e na sociedade”, finaliza.